Segunda-feira, 24 de Julho de 2006

...

Considero que o percurso que fizemos nesta disciplina constituiu uma mais-valia muito importante para as minhas aprendizagens e para o meu amadurecimento pessoal e profissional.

Os conteúdos estudados foram bastante pertinentes, não só pela novidade que representam, mas, sobretudo, pelas suas potencialidades no contexto de ensino-aprendizagem.

A metodologia de trabalho adoptada foi bastante adequada aos condicionalismos existentes: computadores avariados, péssima disposição da sala, internet lenta... Perante tais obstáculos, é de elogiar o esforço e a persistência da superprofessora João, a quem agradeço, desde já, a preocupação constante em ir ao encontro das nossas dificuldades, propostas, curiosidades e necessidades.

A escolha do portefólio como instrumento de trabalho e de avaliação foi muito bem pensada, uma vez que nos levou a participar de forma mais dinâmica na disciplina. O Laboratório para os alunos foi, e há-de continuar a ser, mais um contributo para essa interacção.

Aprendi imenso  com as pesquisas que fiz, quer para o portefólio, quer para a webquest e tenho pena de não ter tido tempo para construir uma caça ao tesouro, mas a dificuldade em aceder à Internet foi um entrave constante à minha atitude para com a disciplina (aliás, estou em pé de guerra com a Junta de freguesia e a Biblioteca Municipal!!!)

Esta reflexão não é uma conclusão de um semestre, nem de uma experiência enriquecedora. É antes um ponto da situação que espero continuar a construir. Só assim fará sentido aprender com e através do portefólio.

Até um dia destes!

Marlene Vieira

sinto-me:
publicado por Nena às 19:12

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Para reflectir IV...

«O potencial da utilização da Internet para suporte a sistemas não presenciais é tão interessante que levou ao aparecimento de uma nova geração de sistemas integrados de informação e de comunicação, especificamente vocacionados para suporte ao funcionamento de comunidades de aprendizagem distribuídas baseadas na Internet. Estas soluções, habitualmente designadas por LMS - Learning Management Systems, permitem integrar num único sistema, acessível através da WWW, as funcionalidades necessárias ao funcionamento de cursos e de acções de formação.»

In RAMOS, Fernando M. S. (2003). «Novas formas de comunicação em educação», Trajectos. Revista de Comunicação Cultura e Educação, nº 2, p. 143.

publicado por Nena às 16:39

link do post | comentar | favorito

Para reflectir III...

«A análise do papel do professor num modelo educacional de tipo construtivista fornece dados e pistas importantes para a compreensão das caractérísticas e condicionalismos da utilização de novas formas de comunicação em educação e das respectivas tecnologias de suporte. Num modelo educacional construtivista, o papel do professor é, fundamentalmente, de organizador do processo de aprendizagem, cabendo-lhe a missão de, atendendo ao perfil e necessidades dos aprendentes, definir objectivos de aprendizagem e auxiliar os aprendentes a encontrar o caminho de aprendizagem mais adequado, recorrendo aos instrumentos e recursos disponíveis.»

In RAMOS, Fernando M. S. (2003). «Novas formas de comunicação em educação», Trajectos. Revista de Comunicação, Cultura e Educação, nº 2, p. 141.

publicado por Nena às 16:25

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 21 de Julho de 2006

Vantagens e desvantagens dos cursos de e-learning

Os cursos de e-learning estão organizados em unidades de conhecimento, representativas de diferentes graus de evolução da aprendizagem. Esta metodologia permite ao formando aprender ao seu ritmo, desenvolvendo as competências individuais de que necessita e que melhor correspondem ao seu perfil. Em Portugal há 15 entidades que oferecem cursos e-learning e que são creditadas pelo INOFOR .

Este processo de aprendizagem à distância implica uma separação temporal e/ou local entre formador e formando, o que tem as suas vantagens, mas também desvantagens.

Vantagens do e-learning :

  • Inovação em processos de formação
  • Redução e racionalização dos recursos
  • Flexibilidade do processo de ensino-aprendizagem , do tempo e do espaço
  • Auto-formação
  • Formação para activos
  • Interactividade facilitada
  • Distribuição rápida dos conteúdos
  • Ritmo personalizado

Desvantagens do e-learning :

  • Ausência da relação humana formador/formandos
  • Conteúdos mais generalistas
  • Contigência tecnológica - largura de banda e terminais
  • (Ainda) reduzida confiança neste tipo de estratégias educativas
  • Custos elevados dos cursos e do material

 

sinto-me: Cansada!!!
publicado por Nena às 13:57

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

A Alfabetização Tecnológica

Expressão utilizada por Arendt (1996), que aponta para a pertinência da formação dos cidadãos ao nível das novas TIC,  apresentando como principais objectivos desta alfabetização:

  • uso correcto das tecnologias e conhecimento do hardware e do software ao dispor dos utilizadores;
  • detenção de um conjunto de connhecimentos e competências que lhes permitam seleccionar, organizar e filtrar a informação;
  • desenvolvimento de uma atitude crítica perante as novas tecnologias.

Trata-se, portanto, do uso inteligente das TIC, adequado às necessidades de cada um, que, segundo AREA (2004), deve ter em conta as vertentes  instrumental (as tecnologias como instrumentos ao serviço dos seus utilizadores), cognitiva (a relação com as TIC proporciona a aprendizagem de conhecimentos e competências novas e dinâmicas e implica um conjunto de tarefas cognitivas relacionadas com a pesquisa e tratamento de informação), atitudinal (o recurso às TIC deve promover o desenvolvimento de uma atitude crítica perante os perigos e os problemas do mundo das tecnologias) e sócio-política (as TIC não são imparciais e espelham sempre uma subjectividade cultural, social e política, para a qual deve estar atento o utilizador).

Informação retirada de http://weblog.educ.ar/educacion-tics/archives/004300.php

 

publicado por Nena às 11:22

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Para reflectir II...

«Como dice Castells: "antes de comenzar a cambiar la tecnologia, a reconstruir las escuelas y a reciclar a los profesores, necessitamos una nueva pedagogia, basada en la interactividad, la personalización y el desarrollo de la capacidad de aprender y pensar de manera autónoma (2002: 308). Según esta premisa, cualquier proceso formativo futuro en nuestras sociedades debería tener en cuenta dichas premisas que nosotros resumimos en el acrónimo CIL: Comunicación, Individualización y Libertad.»

In RAMÍREZ, Jorge Jiménez. Nuevas herramientas para la ensenanza de la traducción: LMS y LCMS. Universidad Europea de Madrid, p. 2.

publicado por Nena às 11:15

link do post | comentar | favorito

Para reflectir I...

«El uso de los avances tecnológicos, direccionados a la educación, no solo que producen una verdadera revolución en la ensenanza-aprendizaje, sino que transforma la forma de pensar y de actuar, tanto de professores, estudicante y la comunidade, que les permiten viajar a los lugares menos pensados y al mismo tiempo encontrar respuestas a las múltiples interrogantes, de manera que se produce una verdadera transforamación en la forma de pensar de una forma cualitatva diferente, algo que nunca lo experimentoy que sin embargo esto lo motiva para seguir usando los adelantos tecnológicos. Esta nueva forma rápida e virtual del conocimiento puede ser el inicio de una nueva etapa de comunicación y aprendizaje, que transforma el ser humano, para alcanzar niveles cada vez más superiors, ojalá destinados para encontrar soluciones, a tantos problemas de corrupción, pobresa,...».

In http://weblog.educ.ar/educacion-tics/archives/000125.php

publicado por Nena às 11:05

link do post | comentar | favorito

LMS e LCMS: dois sistemas de gestão da aprendizagem

A LMS Learning Management System ) é uma plataforma que organiza as actividades de formação dentro de uma instituição e permite a gestão dos cursos on-line. Permitem administrar e organização informação, materiais e conteúdos de aprendizagem. Por outro lado, facilitam a interacção entre os alunos e entre estes e os professores, através dos chats e dos fóruns, por exemplo. Ainda possibilitam formas de avaliação dos alunos ou dos formandos, através de questionários, debates, registos, número de visitas realizadas à plataforma e contributos nela feitos.

A LCMS (Learning Content Management System) é uma plataforma para a gestão dos conteúdos didácticos. Funciona como a LMS , mas de forma mais restrita . As suas grandes potencialidades  encontram-se no «dossier temático» e no «centro de documentação». Privilegia , portanto, não tanto a interacção entre alunos , mas prioritariamente o acesso dos alunos aos conteúdos. Trata-se de uma gestão de conteúdos

publicado por Nena às 10:49

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 11 de Julho de 2006

Mais uma nota sobre portefólios

Qualquer portefólio em educação deve ter a potencialidade de espelhar quatro aspectos centrais:

  1. O perfil do aluno
  2. As competências que este é capaz de desenvolver
  3. O processo de construção pessoal da aprendizagem
  4. As dimensões que requerem mais dedicação e trabalho

É esta potencialidade que tem feito do portefólio um instrumento cada vez mais requisitado para a avaliação de alunos e de professores em formação.

Para além desta função de construção de aprendizagens, segundo Lankes (1995), o portefólio pode apresentar outras finalidades, podendo tornar-se, assim, num:

  • Portefólio de Planeamento: enquanto auxiliar do professor nas actividades de planificação e acompanhamento da turma;
  • Portefólio de proficiência: que funciona como suporte à certificação do nível de aprendizagem dos alunos;
  • Portefólio demonstrativo: que permite ao alunos expor melhor os seus trabalhos.

Trata-se, no fundo, em qualquer um dos casos, de uma ferramenta de investigação reflexiva.

publicado por Nena às 11:48

link do post | comentar | favorito

A Última aula :(

Ontem tivemos aula em Gualtar , uma óptima forma de nos despedirmos da disciplina e da fantástica professora que foi a Maria João!

Apesar de ter sido a última, foi uma aula imprescindível na minha aprendizagem, uma vez que recordei algumas coisas sobre a Moodle , como a introdução de Documentos do Word , e aprendi a utilizar documentos da Moodle no meu Blog.

O que mais me motivou a continuar a progredir e a aprender no domínio das TIC foi a confiança e o apreço que a professora demonstrou em relação à turma.

Estou muito satisfeita!

sinto-me:
publicado por Nena às 08:48

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. Para reflectir IV...

. Para reflectir III...

. Vantagens e desvantagens ...

. A Alfabetização Tecnológi...

. Para reflectir II...

. Para reflectir I...

. LMS e LCMS: dois sistemas...

. Mais uma nota sobre porte...

. A Última aula :(

.arquivos

. Julho 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds